O Spotify apostou em “Hear Me Nos” quando ela foi a 68ª mais tocada no Brasil e passou a divulgar a faixa em outras playlists do mundo. Logo em seguida vieram “Fuego” em colaboração com seu irmão, o também DJ e produtor Bashkar. E depois, “Never Let Me Go” outra parceria com o cantor Zeeba e com o Bruno Martini. E finalmente seu mais recente lançamento, a grande “Love Is A Temple”, com o cantor Iro e que já está atribuída a campanha publicitária da cerveja Budweiser para a edição deste ano do Tomorrowland na Bélgica no próximo mês (Julho).

FB_IMG_1497888819094.jpg

Alok já é o 126° artista mais ouvido no mundo, são cerca de 9,5 milhões de ouvintes na plataforma. “Hear Me Now” já atingiu a marca de 200 milhões de ouvintes e é a música brasileira mais ouvida do serviço de reprodução. Países como, Suécia e México estão à frente como os principais ouvintes das produções do brasileiro. Hoje, “Hear Me Now” já aparece em cerca de 3,5 milhões de playlists ao redor do mundo, e já foi registrado um aumento de 738% de ouvintes após o lançamento da mesma em Outubro de 2016.

FB_IMG_1497888842788.jpg

As produções do Alok caíram sim no gosto dos brasileiros e também no gosto de vários ao redor do mundo. Sem dúvidas ele é o principal precursor da Dance Music brasileira ao redor do mundo, ou melhor, do “Brazilian Bass”, como ele mesmo define seu gênero musical. Entre turnês e participações em programas de TVs, campanhas publicitárias ou apresentações em público, Alok é um fenômeno e tudo o que se agrega a ele acaba virando sucesso, e não foi diferente com “Hear Me Now” e suas sucessoras. Ouçam:

https://open.spotify.com/user/spotify/playlist/37i9dQZF1DWZUWZIwpqsT3

Imagens: Reprodução


About the Author

Related Posts

Gente, sério! A primeira Imagen da gravação do vídeo clipe do single do grupo Major Lazer com as...

Um b2b desses! Já está disponível na íntegra o set completo da apresentação desses três no EDC Las...

Alô, alô! Acabamos de saber que além dos brasileiros Alok e Vintage Culture, ANNA e Victor Ruiz...

Comentários no Facebook